Arquivos MUNDO - Página 4 de 17 - BR2pontos
Menu
MUNDO
MUNDO
FMI_Economia mundial crescerá ‘fortemente’ em 2017
A diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, disse nesta quarta-feira (4), em artigo para o jornal de negócios alemão Handelsblatt, que 2017 poderá contar com "crescimento mais forte e sustentável em nível global". Segundo Lagarde, "a Alemanha presidirá o G20 [grupo formado pelas 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia] e se empenhará em medidas e em reformas estruturais, aumentando a capacidade de resistência das economias maiores". A informação é da Agência Ansa. Já a China, segundo ela, "continuará a mudar o modelo econômico de exportação para a demanda interna" e vários países asiáticos e sul-americanos "ajudarão em um aumento da dinâmica jovem".. A diretora do FMI também fez suas previsões para o governo do presidente eleito dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, que começará no próximo dia 20. "A nova administração dos EUA terá foco na reforma fiscal das empresas e nos investimentos de infraestrutura". Lagarde ressaltou, no entanto, que haverá "desafios" neste ano, em que foram criados pelos "fatores políticos que influenciaram 2016", e que "uma distribuição da renda mais igualitária" é de extrema importância. "O FMI acredita que uma distribuição da renda mais igualitária representa não apenas uma boa política social, mas também uma boa política econômica", escreveu a diretora na publicação alemã, acrescentando que "nos últimos 20 anos, a renda dos 10% mais ricos da população cresceu 40%, enquanto os mais pobres quase não ganham".
MUNDO
TERROR_Estado Islâmico reivindica autoria de atentado que matou 39 pessoas em boate de Istambul
O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) reivindicou o atentado na boate Reina, em Istambul, na Turquia, que matou 39 pessoas, sendo 24 delas estrangeiras, e feriu outras 70 durante a madrugada deste domingo (1º). O EI disse ter sido responsável pelo ataque e fez o anúncio através de um comunicado divulgado pela sua agência de notícias, a Amaq. Além de ter sido escrita em árabe, a nota também foi redigida pela primeira vez em turco. O atentado começou quando um homem entrou na boate e atirou nos presentes. Algumas das pessoas que estavam no local disseram que o homem havia gritado "Allah Akbar", enquanto realizava os disparos. As imagens das câmeras de segurança conseguiram capturar a imagem de um homem vestido de preto com capuz e uma arma de cano longo que matou um policial e um segurança para entrar no espaço, frequentado por turistas, artistas e esportistas. Muitos dos presentes acabaram mergulhando nas águas geladas do estreito de Bósforo, próximo do clube, para escapar do atirador. Segundo as autoridades turcas, o ataque foi realizado por apenas um terrorista, um jovem de cabelo e barba pretos, mas essa teoria ainda gera dúvidas. Pessoas que estavam na boate disseram que os disparos pareciam terem sido realizados por mais de um atirador. Entre os mortos estão pessoas da Turquia, da Arábia Saudita, Iraque, Jordânia, Líbano, Kuwait, Síria, Israel, Bélgica e Canadá. Já entre os feridos estava um grupo de italianos que disse que se salvou do atentado se jogando no chão antes dos disparos começarem.
MUNDO
JUVENTUDE_Francisco toca no ponto em mensagem de Ano Novo: emprego!
VATICANO (Reuters) - Em mensagem de fim de ano, o papa Francisco pediu neste sábado aos líderes mundiais que façam mais para combater o desemprego dos jovens, afirmando que uma geração inteira está se perdendo diante do desespero, da imigração e da falta de oportunidades. O papa, em seu último evento público de 2016, disse que as portas tinham que ser abertas para que os jovens "pudessem sonhar e lutar por seus sonhos". "Nós condenamos nossos jovens a não terem lugar na sociedade, porque os empurramos lentamente para a margem da vida pública, forçando-os a imigrar ou a implorar por empregos que já não existem ou não prometem um futuro", disse Francisco, de 80 anos, em sua homilia durante uma solenidade na Basílica de São Pedro. O desemprego juvenil está na casa dos 36 por cento na Itália, e chega a 18 por cento entre os 28 estados da União Europeia. Na África, o continente com a população mais jovem do mundo, o desemprego juvenil provavelmente aumentou em 2016 e já estava perto de 30 por cento no norte da África, de acordo com a Organização Internacional do Trabalho. A pobreza e a falta de oportunidades na África impulsionam a imigração, especialmente para a Europa. Quase 5.000 homens, mulheres e crianças morreram tentando chegar à Europa via norte da África em 2016. Entre os mais de 181.000 imigrantes que viajaram em barcos --na maioria africanos-- e chegaram à Itália em 2016, 25.000 eram menores não acompanhados, o dobro do número observado em 2015. Ao final da homilia, Francisco atravessou a Praça de São Pedro, parando para apertar as mãos e posar para fotos, enquanto fazia uma breve visita ao presépio em tamanho natural que há no Vaticano. No dia 1º de janeiro, o papa vai realizar uma missa para marcar o Dia Mundial da Paz.
Sociedade MUNDO
IMIGRAÇÃO_Proibida a entrada: sete brasileiros detidos nas Bahamas retornam ao Brasil
Sete dos 12 brasileiros que foram detidos nas Bahamas no último dia 19 por tentativa de imigração irregular já retornaram ao Brasil. Segundo informações do Ministério das Relações Exteriores, os demais devem voltar ao país até o fim da semana. Outros 14 brasileiros estão presos na Flórida, Estados Unidos, aguardando a deportação. De 2011 a 2015, 278 brasileiros foram presos nas Bahamas. Segundo o Itamaraty, a grande maioria dos casos se deve à expiração do prazo do visto de permanência e de tentativa de imigração ilegal para os Estados Unidos. Os dados de 2016 ainda não foram compilados, mas, segundo informações da Embaixada do Brasil em Nassau, o número de brasileiros presos aumentou significativamente depois que Donald Trump foi eleito presidente dos Estados Unidos. Uma das promessas de Trump durante a corrida eleitoral foi aumentar a restrição de entrada de migrantes em território norte-americano. Desaparecidos O governo brasileiro informou que segue na busca por um grupo que está desaparecido na região de Bahamas desde 6 de novembro. Hoje (29), a representação brasileira em Nassau se reuniu com integrantes do governo de Bahamas na tentativa de firmar oficialmente um apoio para as investigações.
MUNDO
GUERRA_EUA confirmam morte de líder militar do Estado Islâmico, na Síria
Um líder militar do grupo Estado Islâmico na Síria foi morto em um ataque aéreo realizado pela coalizão liderada pelos Estados Unidos, informou o Pentágono nesta quinta-feira (29). Abu Jandal Al-Kuwaiti morreu na segunda-feira perto de Tabqa Dam, a oeste da cidade de Raqa, reduto do EI, de acordo com o Comando Central americano (Centcom) para o Oriente Médio. Rami Abdel Rahman, diretor do Observatório Sírio dos Direitos Humanos, descreveu Al-Kuwaiti como o "número dois dos comandantes militares do EI na Síria". O líder jihadista liderou batalhas no Iraque e na Síria e havia sido recentemente enviado a Raqa, onde supervisionava os ataques contra as Forças Democráticas Sírias (FDS), de acordo com o Observatório. As FDS, uma aliança anti-jihadista dominada pelo curdos que também inclui árabes e turcomanos e é apoiada pelos Estados Unidos, lançaram uma ofensiva para retomar Raqa no início de novembro. De acordo com o Centcom, Al-Kuwaiti estaria envolvido nas operações com carros-bomba, dispositivos explosivos improvisados (IEDs, por sua sigla em inglês) e armas químicas contra as FDS. A morte de Al-Kuwaiti limita a capacidade do EI para defender Raqa e sua capacidade de lançar ataques no oeste do país, disse o Centcom.
MUNDO
VIOLÊNCIA_Polícia diz que embaixador grego no Brasil está desaparecido há três dias no Rio
O embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis, está desaparecido desde segunda-feira (26). Segundo a Polícia Civil, ele foi visto pela última vez em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e o Setor de Descoberta de Paradeiros da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) instaurou procedimento para apurar o desaparecimento. “Conforme informações preliminares, ele teria sido visto pela última vez na noite da última segunda-feira, 26 de dezembro”, informa a nota da Polícia. Amiridis mora em Brasília e passava férias no Rio de Janeiro, onde foi cônsul-geral de 2001 a 2004. A Polícia pede que quem tiver informação que auxilie na localização entre em contato pelos telefones (21) 2334-8823 e 2334-8835 ou pelo chat da Polícia Civil. O Consulado da Grécia no Rio de Janeiro disse que a embaixada em Brasília iria se pronunciar a respeito do desaparecimento, mas, procurada, a embaixada informou apenas que Amiridis está de férias. A reportagem também entrou em contato com o Itamaraty e ainda não obteve retorno.
MUNDO
DESIGUALDADE_Grupo dos uber ricos ganha US$ 237 bilhões em 2016; advinhe do bolso de quem saiu essa dinheirama
A concentração da riqueza na mão dos bilionários do mundo só fez crescer, aponta a Agência Bloomberg. Nada menos que US$ US$ 237 bilhões migraram para as mãos desse grupo, notadamente em negócios nas bolsas de valores. Para chegar até essas pessoas, que se contam em poucos milhares, milhões de pessoas perderam. A riqueza acumulada das pessoas mais ricas do mundo aumentou 5,7% entre o início de 2016 e o dia 27 de dezembro, chegando agora a US$ 4,4 trilhões de dólares. Warren Buffet liderou os ganhos, com ganhos de US$ 11,8 bilhões ao longo do ano, somado uma fortuna agora estimada em US$ 74,1 bilhões. A Bloomberg nota que os ganhos em 2016 foram, de uma forma geral, liderados por cidadãos norte-americanos. Bill Gates, CEO da Microsoft, continua a ser o homem mais rico do mundo, com US$ 91,5 bilhões. Deste dinheiro, US$ 10 bilhões foram ganhos ao longo de 2016. O único não-americano a constar entre os cinco que mais riqueza acumulou em 2016 foi Bernard Arnault. O francês, dono da LVMH, faturou US$ 7,1 bilhões este ano e a sua fortuna subiu para US$ 38,9 bilhões.
MUNDO
FIDEL: parlamento de Cuba aprova lei que veta nome do líder revolucionário a locais públicos na ilha
A Assembleia Nacional de Cuba aprovou na terça-feira (27) uma lei que impede a nomeação de ruas, praças e monumentos públicos com o nome de  Fidel Castro, de acordo com os desejos do líder revolucionário que faleceu em 25 de novembro. A lei - aprovada por unanimidade pelos mais de 600 legisladores - também proíbe construir estátuas em sua homenagem. As informações são da agência chinesa Xinhua. Antes de sua morte novembro, Fidel disse a seu irmão e sucessor, Raúl Castro, que não queria ser imortalizado dessa forma. Em um tributo público ao ex-líder, Raúl Castro disse: "O líder da revolução rejeitou qualquer exibição de culto de personalidade e ... até suas últimas horas insistiu que uma vez morto, seu nome nunca seria usado para nomear instituições, praças, parques, avenidas, ruas ou outros locais públicos, e nenhum monumento, busto, estátua e outros tipos de tributos seriam construídos em sua memória”. Dirigindo-se à última sessão do Congresso, Homero Acosta, secretário do Conselho de Estado de Cuba, disse que o pedido reflete a "humildade e modéstia" que caracterizou o líder. "De acordo com o espírito da vontade expressa por Fidel," a lei também proíbe o uso de seu nome ou imagem, pensamentos ou referências de qualquer tipo como uma marca registrada ou logotipo, nome de domínio ou design para fins comerciais ou de publicidade," disse Acosta. No entanto, o parlamento cubano fez uma ou duas exceções, para que o nome de Fidel possa ser usado no futuro para nomear uma instituição que estuda o papel do ex-presidente na história da nação, ou centro de pesquisa que investiga seu legado. A lei não restringe obras artísticas ou literárias inspiradas pelo lendário líder ou a publicação de milhares de imagens tiradas de Fidel ao longo de sua vida. Fotos de Castro em instituições estaduais, escolas, universidades, unidades militares e outros locais públicos podem permanecer no lugar como um sinal de tributo e respeito permanente. "Fidel continuará sendo um ícone nas lutas do povo cubano para preservar nossa unidade, nossa independência, nossa soberania e nosso socialismo," disse Acosta.
MUNDO
HERMANOS_Crise na Argentina faz ministro da Fazenda deixar o cargo
O ministro da Fazenda da Argentina, Alfonso Prat-Gay, deixou o cargo, afirmou o chefe de Gabinete, Marcos Peña, em entrevista coletiva nesta segunda-feira. Segundo Peña, a pasta será dividida em duas áreas: a da Fazenda, que ficará a cargo de Nicolás Dujovne, e a de Finanças, que será comandada por Luis Caputo. O chefe de Gabinete afirmou que o presidente argentino, Mauricio Macri, pediu a renúncia de Prat-Gay. “É uma questão de diferenças políticas. Não é interna, mas uma visão de como organizar o trabalho dentro do gabinete”, afirmou Peña. O porta-voz não entrou no mérito sobre versões segundo as quais existiriam diferenças sobre a política econômica entre o agora ex-ministro e o presidente. O chefe de Gabinete disse que Macri e Prat-Gay estavam reunidos no Sul da Argentina, onde o presidente passa uns dias de férias. Prat-Gay assumiu o posto de ministro em 10 de dezembro de 2015 e tem sido questionado por não conseguir uma reação da economia nem o controle da inflação, que estaria em cerca de 40% ao ano no país em 2016. Durante sua gestão, a Argentina acabou com a regra que restringia a aquisição de dólares e liberou o câmbio. O ministro havia conseguido algumas vitórias no começo de sua gestão, como quando conseguiu negociar a dívida milionária com credores de bônus internacionais que impedia a chegada de investimentos. No entanto, em sua gestão, Prat-Gay manteve opiniões divergentes do presidente do Banco Central da Argentina, Federico Sturzenegger, em relação à taxa básica de juros, definida pelo rendimento das Letras do Banco Central (Lebac). Ambos pareciam ter visões distintas sobre o “ritmo” para baixar as taxas, de acordo com o jornal argentino La Nación. Prat-Gay não participou das negociações sobre as mudanças no Imposto de Renda, com empresários e integrantes de sindicatos, nas últimas semanas, o que fez com que os rumores sobre seu afastamento do governo se intensificassem. Novos ministros Peña disse que Dujovne integrou a equipe técnica da campanha para as eleições presidenciais de 2015 e também a Fundación Pensar, de onde vem vários quadros técnicos do governo. Caputo, por sua vez, foi descrito como “uma pessoa idônea para o desafio produtivo do país”, bem como para o financiamento sustentável e a melhora do sistema financeiro. O chefe de Gabinete apontou que o déficit fiscal ainda é uma das grandes questões pendentes da economia argentina. No orçamento de 2017 está estimado um déficit de 4,2% do Produto Interno Bruto (PIB). Após a recessão sofrida em 2016, o governo espera crescimento de 3,5% no próximo ano. “Há um grande consenso de que vamos ter um 2017 muito bom, com melhora de salário, baixa na inflação e aumento das obras públicas”, afirmou o chefe de gabinete.
MUNDO
“Soldado do EI executou a operação de Berlim”, comemora Estado Islâmico
O grupo extremista Estado Islâmico (EI) reivindicou nesta terça-feira (20) o atentado contra uma feira natalina em Berlim, ocorrido ontem (19), segundo reportou a Amaq, a agência de propaganda da organização. Um caminhão foi lançado na multidão, deixando 12 mortos e 48 feridos. As informações foram divulgadas pela Agência France-Presse (AFP). Saiba Mais Polícia alemã 'não tem certeza' de que paquistanês preso seja autor de ataque "Um soldado do EI executou a operação de Berlim, em resposta aos apelos de visar cidadãos de países da coalizão internacional" que luta contra o EI, destacou a agência. A coalizão internacional encabeçada pelos Estados Unidos e da qual participa a Alemanha, lança bombardeios aéreos sobre as posições do EI nas regiões que ocupa no Iraque e na Síria. Na segunda-feira, um caminhão com placa da Polônia foi lançado deliberadamente sobre a multidão em uma feira natalina de Berlim, deixando pelo menos 12 mortos e 48 feridos. A chanceler alemã, Angela Merkel, já tinha confirmado mais cedo nesta terça-feira que o massacre resultou de um "ataque terrorista".