Arquivos Cultura - Página 8 de 9 - BR2pontos
Menu
Cultura
Cultura
MÚSICA_Chico César canta Mama África: mulher, negra, trabalhadora, com dupla jornada e a generosidade materna; Clip
(mais…)
Cultura
MÚSICA_Cartola canta Ensaboa; O músico teve uma vida dura e simples e deixou em suas canções a marca...
(mais…)
Cultura
MÚSICA_Adoniran Barbosa, o poeta do cotidiano, canta Torresmo à Milanesa; clipe
(mais…)
Cultura
MÚSICA_Elis Regina; O trabalho da salina se confunde com o sal e o suor do corpo na “Canção...
(mais…)
Cultura
Com Caetano à frente e à exceção de Regina Duarte, artistas impõem derrota vexatória a Michel Temer e...
Após uma série de críticas de setores da sociedade e da classe artística, o Ministério da Cultura será recriado. A decisão do presidente interino Michel Temer foi confirmada pelo ministro da Educação, Mendonça Filho. (mais…)
Cultura
MÚSICA_Paulinho da Viola canta “Que trabalho é esse”, no qual trata do emprego e suas escolhas; clipe
(mais…)
Cultura
E Bruna também disse não! Atriz é a 4ª mulher a recusar Secretaria da Cultura de Temer
O presidente interino Michel Temer está colecionando negativas nas sondagens feitas a mulheres famosas ou reconhecidamente compentes para assumir a Secretaria de Cultura do Ministério da Educação e Cultura. Um dos motivos é a incorporação do Ministério da Cultura ao da Educação, sob o comando do deputado Mendonça Filho (DEM-PE). Outro está no 'golpismo' praticado por Temer contra a presidente afastada Dilma Rousseff. A primeira sondagem teria sido feita sobre a apresentadora de tevê e atriz Marília Gabriela. Sem explicitar seus motivos, Gabi, como é conhecida, primeiro deu uma certa esperança, mas em seguida preferiu desestimular a marcação de uma conversa com o próprio Temer, na qual receberia o convite. Com perfis técnicos, duas outra mulheres, com bem alarde, recusaram diretamente as sondagens das quais foram alvo. A antropóloga Cláudia Leitão, ex-secretária nacional de Economia Criativa da Criativa, usou sua página o Face para afirmar que dera "um sonoro não" à sondagem para assumir a Cultura. Ela politizou ao extremo a recusa. "Espero que nenhuma mulher aceite esse convite e dessa forma não contribua para a transfiguração do MinC num apêndice do MEC", escreveu Cláudia. "Comtinuemos a nossa luta!". Por motivos semelhantes - e com termos igualmente duros -, a coordenadora dos cursos de pós-graduação da FGV, Eliane Costa, rechaçou o emissário que a procurou com o convite. "Não trabalho para governo golpista", disse ela, completando: "Não serei coveira do MinC". Em termos mais polidos, porém também negativos, nesta terça-feira 17 foi a vez da atriz, escritora e diretora Bruna Lombardi registrar,  por meio de sua assessoria de imprensa, que se sentiu "agbradecida" pela sondagem para assumir o cargo. Afirmou, porém, estar totalmente voltada a seus projetos profissionais e, como as demais, disse a palavrinha de três letras e um acento gráfico: não!
Cultura
Ícone da MPB, Cauby Peixoto morre aos 85 anos, vítima de pneumonia, em São Paulo; ouça a canção...
Morreu na noite de domingo, por volta das 23h50, o cantor Cauby Peixoto, aos 85 anos, em São Paulo. Ele estava internado no hospital Sancta Maggiore, no Itaim Bibi. A informação foi confirmada ao EGO pela assessoria de imprensa do cantor. "É verdade, infelizmente. Em breve, soltaremos um comunicado oficial com todas as informações", disse o responsável. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, a causa da morte foi pneumonia. O músico permaneceu no centro médico desde o dia 9. Na página oficial de Cauby no Facebook, foi colocado um comunicado sobre a morte do músico: "Com muita dor e pesar informamos aos amigos e fãs que nosso ídolo Cauby Peixoto acaba de falecer as 23:50 do dia 15 de maio . Foi em paz e nos deixa com eterna saudades. Pra sempre Cauby!". https://www.youtube.com/watch?v=pV3nEL2e0EE
Cultura
MÚSICA_Lenine canta “Relampiano”, onde comenta a realidade de crianças trabalhando; clip
(mais…)
Cultura Sociedade
Sonora Garoa, música de Passoca, menciona vida dura do trabalhador sem vitimizá-lo, escreve Val Gomes. Ouça
Sonora Garoa Por Val Gomes Este é o título da talvez mais conhecida e tocada canção do cantor e compositor Passoca, um artista da chamada cena independente paulistana, próximo portanto da inventiva geração liderada por, entre outros, Arrigo Barnabé e Itamar Assumpção. Sonora Garoa é construída feito uma música caipira tradicional, com prioridade para a viola no arranjo, mas o tema em evidência não é o campo. Passoca canta São Paulo (a famosa Sampa de Caetano Veloso) e uma poética e “nostálgica” garoa, tematizando o período muito cedo de o trabalhador ir para a fábrica, uma canção tocada no rádio, o automóvel, o caminhão. Não há na letra nenhuma vitimização nem menção a injustiças cometidas contra o trabalhador. Cabe ao ouvinte, a partir das imagens criadas pelo músico, pensar ou sentir a realidade mencionada. A grande sacada de Passoca foi trazer, em apenas uma única e simples melodia, novas possibilidades urbanas e dissonantes para a rica cultura musical caipira brasileira. Val Gomes   https://youtu.be/6NP3HtQ8rTU?list=PLej_KKzGVmX1OqaFZvXMlXLCBkhRTuiUt